top of page
  • mri796

Um dos 18 finalistas do Prêmio EuroMinnies 2022 é o Professor Denis Le Bihan




(Traduzido de www.auntminnieeurope.com)


O professor Le Bihan é mencionado por inventar, refinar e introduzir na pesquisa e na prática clínica o conceito de difusão por ressonância magnética. Ele também fez grandes contribuições para a evolução da RM funcional.


Nascido em 1957, Le Bihan completou seu treinamento em medicina - incluindo uma residência em neurocirurgia e radiologia - além de física, antes de se mudar para os EUA em 1987. Ele foi chefe da seção de pesquisa do Centro Clínico do Instituto Nacional de Saúde dos EUA, Bethesda , Maryland, e professor clínico associado de radiologia na Universidade de Georgetown, Washington, DC.


Em 1994, ingressou no Service Hospitalier Frédéric Joliot (SHFJ), uma divisão do CEA com sede em Orsay, perto de Paris. Esta instalação interdisciplinar realiza pesquisas de imagens médicas, particularmente no campo do PET. Le Bihan estabeleceu o Laboratório de Neuroimagem Anatômica e Funcional no SHFJ para desenvolver e aplicar métodos de neuroimagem.


Em 2000, tornou-se diretor do Federative Research Institute of Functional Neuroimaging (IFR 49) e, em 2007, fundou a NeuroSpin, que se dedica ao estudo do cérebro por ressonância magnética em campos magnéticos muito altos.


Le Bihan recebeu a medalha de ouro da Sociedade Internacional de Ressonância Magnética em Medicina (ISMRM) em 2001. Ele também recebeu em 2002 o Prêmio Lounsbery da Academia Nacional de Ciências dos EUA e da Academia Francesa de Ciências e um co-recipiente de 2003 (com o cientista francês Stanislas Dehaene) do Prêmio Louis D. do Institut de France.


Ele é membro titular da Academia Francesa de Ciências, membro honorário da Sociedade Americana de Neurorradiologia e da Sociedade Francesa Canadense de Radiologia, e Cavaleiro da Ordem Nacional Francesa de Mérito. Ele também estabeleceu fortes conexões no Japão, tendo sido professor convidado no Centro de Pesquisa do Cérebro Humano da Universidade de Kyoto desde 2005.


De acordo com uma declaração da ESR sobre Le Bihan emitida em 2016, "Seu trabalho pioneiro combinou a invenção e o desenvolvimento de métodos extremamente inovadores, como a difusão por ressonância magnética, com a aplicação desses métodos a questões de extrema importância científica e clínica, como função cerebral, conectividade cerebral, diagnóstico e tratamento do câncer",


Seu talento gaulês ficou evidente em outubro passado, quando Le Bihan e seus colegas escanearam uma abóbora usando o primeiro equipamento de ressonância magnética de 11,7 tesla dias antes do Halloween. Este relatório foi o artigo mais visto na AuntMinnieEurope.com durante 2021! Veja o post que fizemos sobre isso clicando aqui.


Não deixe de assistir a mensagem que o Professor Denis Le Bihan enviou para o professor Alessandro Mazzola em maio de 2021 e que publicamos aqui no blog:





Mais informações diretamente no link abaixo:



Comments


bottom of page